Blog da SSCA

Você sabe quais são os tributos incidentes sobre o agronegócio?

Você sabe quais são os tributos incidentes sobre o agronegócio?

O agronegócio está em alta no Brasil, de acordo com a Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, as exportações ligadas ao agronegócio alcançaram valores recordes no final de 2021.

Segundo o órgão, US$ 9,88 bilhões, em exportações alcançados em dezembro de 2021 representou um recorde 36,5%. Em dezembro de 2020, esse número foi de US$ 7,24 bilhões.

Isso significa que em 2021, o total exportado com o agronegócio representou uma alta de 19,7%, em relação ao ano anterior totalizando US$ 120,59 bilhões.

Além disso, conforme dados divulgados pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em 2021, o saldo da balança comercial total brasileira foi de US$ 61,2 bilhões.

O superávit foi de aproximadamente US$ 105,1 bilhões nos produtos do agronegócio e o déficit cerca de US$ 43,8 bilhões nos demais produtos.

Você sabe quais são os tributos incidentes sobre o agronegócio?

Ainda segundo a CNA, o PIB do agronegócio alcançou 9,37% em 2021 e pode alcançar até 5% em 2022.

No entanto a carga tributária sobre o agronegócio é pesada e complexa, e isso dificulta a vida do empreendedor neste setor.

O empreendedor que deseja aproveitar o momento atual para potencializar os seus negócios, deve estar atento a questões tributárias.

Neste artigo, abordaremos quais os tributos incidentes sobre o agronegócio. Acompanhe a leitura!

Quais os tributos incidentes sobre o agronegócio?

O sistema tributário do agronegócio no Brasil é complexo e burocrático, são cerca de noventa tributos diferentes conforme a categoria, incluindo impostos, taxas, contribuições sociais, dentre outras.

Esse custo tributário impacta diretamente o preço dos produtos e as exportações, por esse motivo o empreendedor do agronegócio precisa estar bem-informado e muito bem assessorado quanto à questão da carga tributária.

Confira agora quais são os impostos incidentes sobre o agronegócio:

  • ICMS – Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços;
  • IRPJ Imposto de Renda da Pessoa Jurídica;
  • CSLL – Contribuição Social Sobre Lucro Líquido;
  • PIS – Programa de Integração Social;
  • COFINS – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social;
  • Funrural – Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural;
  • INSS – Instituto Nacional de Seguridade Social.

Para lidar com essa imensidão de tributos, é essencial que o empreendedor tenha um planejamento tributário eficiente.

O planejamento tributário permite a chamada elisão fiscal, que é a redução legal da carga tributária incidente sobre o agronegócio, por meio da escolha do regime tributário ou adoção de estratégias de redução de alíquotas.

Conclusão

O momento atual é favorável para as empresas do ramo, no entanto a tributação brasileira é complexa, por isso é recomendável contar com ajuda profissional para se beneficiar da elisão fiscal.

A SSCA é uma consultoria líder de mercado que conta com equipe multidisciplinar que está sempre pronta para oferecer as soluções que seu negócio precisa.

Gostou de saber mais sobre os tributos incidentes sobre o agronegócio?

Se você ficou com alguma dúvida ou tem interesse em saber mais sobre este assunto, entre em contato conosco pelo formulário abaixo. Teremos prazer em te atender!






    Compartilhe em suas redes sociais: